11.5.10

INTOLERÂNCIA OU DISCRIMINAÇÃO

Não sou muito dado as estas coisas da Igreja! Nem da católica nem nenhuma das outras que existem mas respeito a ideia de cada, e aceito que o ser humano nas suas diferentes concepções da realidade que o rodeia por vezes necessita de se segurar a qualquer coisa para sentir que tem uma outra segurança, nem que ela seja ilusória!
Por isso repudio tanto os fanatismos muçulmano (islâmico) como a Inquisição dos cristãos ou as guerras santas que estes fizeram durante tantos séculos! E falo em fanatismo porque é o termo correcto e não fundamentalismo como muitos apregoam! É que o fundamentalismo é uma teoria sociológica que é elemento construtivo de uma ideia, ou seja, serão os fundamentos de todas e cada uma das construções físicas ou ideológicas.
Mas passando à frente! Acho que é uma enorme hipocrisia andar meia sociedade a dizer mal da Igreja e vir o Estado, que se assume como laico, e dar um ou mais dias de tolerância de ponto devido à visita do Papa... e aqueles que mais criticam a igreja baterem palmas a essa decisão. Eu até estou à vontade para falar (escrever) porque trabalho para o Estado! Porém não posso esquecer que a visita do Dalai-Lama não foi assinalada desse modo e quando por cá vier um líder de qualquer outra Igreja também não vai ser!
Levantam-se as vozes: "mas o Papa é o líder de um Estado"! Ah, pois é e digam-me lá quantas visitas de governantes (isto é lideres de Estados) já geraram este tipo de decisão ou tiveram a propaganda do alemão que líder de um Estado "italiano"
Intolerância ou discriminação?

1 comentário:

Lu! disse...

Olha eu já evito ver e ouvir noticias porque o nosso país esta do melhor...

Não se compreende...